domingo, 19 de julho de 2009

Reabertura da Velha Ponte de Portimão




9 comentários:

São disse...

Porque será que nestes eventos o prato escolhido é quase sempre feijoada??? Será para poupar nos foguetes dos festejos seguintes??? Eheheheh

TOZE Canaveira disse...

Feijoada de choco. Estava excelente.

São disse...

Eu ando é cá com uns desejos de uma boa caldeirada!!!!

TOZE Canaveira disse...

Boa. Qdo fizeres diz.... eu como... eheh

São disse...

A ideia não é fazer mas sim ir a um restaurante ali para os lados da Moita, no Rosário, junto ao rio, onde já ouvi dizer que a fazem muito bem e, depois, curtir o jantarinho na fresca de uma esplanada!

carla mar disse...

;) beijoka

anad disse...

Meu amigo, vou de férias e só volto no início de Agosto. Uns dias luminosos para ti.
Anad

Anónimo disse...

que pobreza... para fechar os olhos à população, depois de obrigar os utentes a passar pela outra ponte durante 22 longos meses, com todos os encargos e prejuízos que acarretou para as famílias, servem agora uma feijoada para lhes tapar a boca! será que o povo se vai deixar enganar com esta manobra?

TOZE Canaveira disse...

Pois é, amigo, ou amiga, esse problema desconheço. Só sei que a feijoada estava boa e também pude verificar que havia muita gente contente e divertida.
também percebi que havia lá muita gente a matar a fome, infelizmente.
Mas de uma coisa tenho a certeza. Não sei se a ponte necessitava de obras ou não, pelo que em tempos ouvi, sim, pelo que já não reunia as condições necessárias de segurança. Ora, é bom de ver que havia que a reparar. Ou então esperar que caísse e houvesse uma desgraça e depois eram criticados por nada fazerem.
É pena que a nossa mentalidade seja assim.
Criticar por fazer e criticar por não fazer.
Prefiro que se faça...